Artemísia

 

Artemísia na Medicina Natural

 

Artemísia absinthium

Parte usada: partes aéreas.

O absinto é utilizado para tratar sintomas associados com dificuldades digestivas, incluindo gases. Em muitas culturas é considerado um bom remédio contra lombrigas e outras infecções parasitárias. Também é usado como tónico nervoso e para tratar a febre e queixas menstruais.

Artemísia absinthium

Artemísia absinthium

 

Artemísia vulgaris

Parte usada: partes aéreas.

A artemísia-comum é usada como estimulante digestivo e tónico nervoso e também para tratar problemas menstruais.

Artemísia vulgaris

Artemísia vulgaris

 

Artemísia annua

Parte usada: partes aéreas.

Segundo a medicina tradicional chinesa, a losna-chinesa (qing hao) é um remédio amargo e frio, usado no tratamento de febres, de erupções cutâneas e de sangramentos nasais. É actualmente objecto de intensa pesquisa científica.

Artemísia annua

Artemísia annua

Artemísia afra

Partes usadas: folhas, caules, raízes.

A wilde als é um remédio tradicional em muitas culturas africanas e, tal como o absinto e a artemísia-comum, usada como tónico digestivo. Também é utilizada em constipações, gripe, garganta inflamada e congestão nasal (eventual uso tópico).

Artemísia afra

Artemísia afra

Nota: Para o uso seguro e correcto destas plantas, consulte um profissional de saúde. Durante a gravidez e a amamentação, não use estas plantas.

Fonte: O GRANDE LIVRO DAS PLANTAS editora Selecções